Maior atividade epidémica da gripe, menos casos de COVID-19 e mortalidade acima do esperado, reporta DGS

27/12/22
Maior atividade epidémica da gripe, menos casos de COVID-19 e mortalidade acima do esperado, reporta DGS

A atividade epidémica da gripe aumentou e os casos de infeção por SARS-CoV-2 diminuíram entre 12 e 18 de dezembro, em que a mortalidade geral voltou a estar acima do esperado, segundo o Relatório de Resposta Sazonal em Saúde — Vigilância e Monitorização.

O documento da Direção-Geral da Saúde (DGS) indica que neste período se observou uma ligeira subida da temperatura do ar, acima do esperado para esta época do ano.

A atividade epidémica da gripe apresentou uma tendência crescente, com “um predomínio do subtipo A(H3)(92,1 %), associado a maior gravidade nas populações mais vulneráveis. Foi também identificado o subtipo A(H1) pdm09 (7,5 %).

Por seu lado, a notificação de casos de infeção por SARS-CoV-2 apresentou uma tendência decrescente.

Neste período, aumentou em 24,7 % as consultas nos Cuidados de Saúde Primários do Serviço Nacional de Saúde (SNS), face à semana anterior, e registou-se uma ligeira diminuição da proporção de consultas por síndrome gripal (- 0.16 pontos percentuais).

A procura do SNS24 por meio de atendimentos estabilizou e a procura do INEM através de chamadas aumentou face à semana anterior.

O relatório dá conta de uma cobertura vacinal contra a COVID-19 e contra a gripe elevada.

A cobertura vacinal contra a gripe (73 %) encontra-se próxima da recomendada pela European Centre for Disease Prevention and Control (ECDC) e a Organização Mundial da Saúde (OMS) (75 %) para os grupos etários com 65 ou mais anos.

Veja este e o relatório anterior aqui.

Partilhar

Publicações